FestivAlto abraça cultura, meio ambiente e tecnologia

Além de dez noites de música, haverá varal de fotos, ações ambientais, troca de livros e testes para transmissão ao vivo

Publicado em 15 de dezembro de 2016 às 17h39

Um palco. Nove Cidades. Dez noites. Trinta atrações. É nesse crescendo que a organização do FestivAlto divulgou sua programação que se inicia a partir de segunda que vem, dia 19.

Sempre com início às 19h, o FestivAlto Um ocupará a Praça Central com as mais variadas vertentes musicais, de formações de banda marcial, orquestra e big band a formatos clássicos de bandas de Rock, passando pelo Hip-Hop, Samba e música Sertaneja Raiz.

A realização e do Estúdio Mix (Murilão Silva), Barranco Cultural (Luiz Felipe Nunes) e SHS Batera (Silas Henrique).

Apoio

Como o festival está sendo realizado praticamente sem recursos, o comércio pode ajudar: com apoio de R$ 50, o lojista recebe um adesivo de apoiador dessa ação cultural, construída sobre o voluntariado. Todos os apoiadores serão mencionados na divulgação do festival e (suas logos) no telão instalado na Praça Central.

Ainda haverá venda de rifa, com números a R$ 5 – além de outros brindes a serem arrecadados, o ganhador levará um violão da marca Tagima, cedido pela Guitar Music, de Ribeirão Preto.

Mais

Além da enxurrada de música, o FestivAlto ainda terá espaço para coleta de lixo eletrônico doméstico e com painéis de temática ambiental. Após o evento, haverá plantio de mudas, simbolizando a reposição do Carbono consumido com a realização do evento.

Essas ações nasceram da parceria com a Sabesp e a educadora ambiental Eliane Camilo.

Outra atração será o espaço de troca de livros. Alguns militantes culturais foram chamados e o escritor e gestor de projetos Luiz Mozzambani Neto atendeu o pedido: ele trará o projeto “Sonhos Lidos”, que consiste em ações e atividades de incentivo à leitura com base no reaproveitamento de livros usados, através de vários mecanismos de incentivo à troca de livros. Um deles é a troca em espaços abertos, como a praça.

Ainda haverá o “Foto-Varal”, iniciativa que pretende juntar qualquer tipo de mensagem que as pessoas queiram deixar – a princípio serão fotografias, mas vale qualquer manifestação que possa ser pendurada no varal.

Tecnologia

Parceria com a Monte Alto Net possibilitará o uso da Internet para a transmissão do FestivAlto – os testes mostrarão se a organização conseguirá transmitir, ao vivo as noites de música e Cultura na Praça Central.

Por Luiz Felipe Nunes – MTB 39868

Programação FestivAlto

Programação FestivAlto

Leia mais sobre , , , , , , ,

Veja também

Comentários